Linux / PHP / Java / Designer

As melhores dicas estão aqui.

Estudo revela: pessoas mentem mais por email

| 0 comentários

Seja para evitar um compromisso não tão interessante ou para dar uma escapada do trabalho, quem nunca precisou contar uma mentirinha algum dia? Existem várias explicações complexas para as razões pelas quais as pessoas mentem, mas um grupo de pesquisadores descobriu que a forma que escolhemos para contar a mentira tem um papel importante em como alteramos a verdade.

Um estudo publicado no Journal of Applied Psychology reporta que as pessoas mentem 50% mais via e-mail do que por carta ou qualquer nota escrita com o próprio punho. Embora já tenha sido demonstrado que as pessoas estão mais propensas a contar pequenas mentiras ao enviar mensagens de texto do que quando conversam ao telefone ou em pessoa, os pesquisadores ficaram surpresos ao encontrar uma discrepância similar em meios mais comparáveis.

De acordo com o PsyBlog, Charles Naquin e sua equipe de cientistas atribuem essa "tendência mentirosa" a algo conhecido como "Moral Disengagement Theory", que é tradicionalmente utilizada para ajudar a explicar porque as pessoas fazem coisas que sabem que são erradas.

O que torna o e-mail particularmente propício ao "desvio de moral" é a maior "distância" que os usuários percebem entre si. Em vez de igualar um e-mail a uma carta manuscrita, a maioria o compara com uma conversa. Naquin também especula que a maioria das pessoas se sente menos inibidas online, uma vez que não são os mesmos tipos de normas sociais que ditam outras relações interpessoais. As barreiras que separam os indivíduos online também criam um maior sentido de "desconexão" no indivíduo, talvez diminuindo as conseqüências de suas ações.

Segundo o site Switched, comparando cartas e e-mails, hoje, é como comparar um BMW e um vagão de trem. A tarefa de efetivamente colocar a caneta papel tornou-se tão difícil em relação à digitação de um e-mail que as circunstâncias em que você realmente vá escrever uma se tornaram particularmente específicas - e, nós imaginamos menos propícia à mentira. Ninguém poderia realmente usar uma carta para convidá-lo para um piquenique de fim de semana, por exemplo, e você não iria escrever uma de volta para dar uma desculpa para não ir.

Redação Terra

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.