Linux / PHP / Java / Designer

As melhores dicas estão aqui.

Games ajudam iPad a vender mais em sua primeira semana

| 0 comentários

Já existem 830 títulos feitos exclusivamente para o aparelho.
Pouco mais de um terço dos aplicativos para o iPad são jogos.

iPad é apresentado em loja da Apple nos EUA. Aparelho vendeu mais de 300 mil unidades no sábado (3). (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

iPad é apresentado em loja da Apple nos EUA. Aparelho vendeu mais de 300 mil unidades no sábado (3). (Foto: Robert Galbraith/Reuters)

O iPad,o tablet Apple, nem completou uma semana de vendas, mas já existem 830 games desenvolvidos para aproveitar sua tela de toque grande, de alta definição e com áreas múltiplas de acionamento.

O número não inclui os cerca de 25 mil jogos já lançados para o iPod Touch e iPhone que podem ser executados no mais recente aparelho da Apple, uma combinação entre celular inteligente e laptop mas que também visa claramente atender o número crescente de adeptos dos videogames.


"O iPad é o quarto passo na revolução dos jogos”, disse Gonzague de Vallois, vice-presidente sênior de distribuição da Gameloft. “O primeiro foi o microcomputador, o segundo, o console de videogame e o terceiro, o celular inteligente. Cada uma dessas plataformas revolucionou os jogos, à sua maneira”.
A Apple já vendeu mais de 500 mil iPads, e Katy Huberty, analista do Morgan Stanley, estima que a empresa embarcará entre 8 milhões e 10 milhões de unidades do aparelho este ano.

"O iPad conseguiria vender cinco milhões de unidades em seu primeiro ano sem jogos e aplicativos? Provavelmente", disse Kevin Wood, vice-presidente e analista sênior do mercado de tecnologia no grupo de pesquisa Infogroup/ORC. "No entanto, a capacidade da Apple para redefinir esse espaço no mundo da computação dependerá de sua habilidade para manter o entusiasmo sustentado pelo produto. Os aplicativos e jogos redefiniram os celulares inteligentes e o seu uso, e suspeitamos que a situação será semelhante no caso do iPad”, afirmou.

Peter Farago, vice-presidente de marketing do grupo de pesquisa Flurry, disse que pouco mais de um terço dos aplicativos atualmente disponíveis para o iPad na loja virtual iTunes são jogos, e que em segundo lugar vêm os aplicativos de entretenimento, com distantes 14%.

Ele acredita que a participação de games cresça conforme o número de aparelhos vendidos aumente, atraindo mais produtoras de jogos.

"Creio que as pessoas adorarão o iPad quando puderem interagir com ele”, disse Neil Young, fundador e presidente-executivo da ngmoco, a maior produtora de jogos para iPhone, iPod Touch, iPad.

Deixe uma resposta

Campos requeridos estão marcados *.